• Porque escrever é um vício.

    Acho que não me fiz entender: o livro não é meu; é do meu marido.
    Ele escreveu um livro de crônicas, há uns sete anos, e engavetou.
    Eu gostaria de publicar; ele nem tanto.
    Mas eu acho que o livro merecia ir a público: é temático - sobre a vida em condomínios -, e tem uma característica que eu, por exemplo, raramente expresso ao escrever: humor.
    As situações são curiosas: viver em apartamentos, não parece, mas é algo que nos exige razoável jogo de cintura. Eu vou abordar isso amanhã, na Crônica do Dia, mas de um jeito mais estreito - especificamente sobre vizinhos em grandes centros urbanos -, sob uma ótica mais minha; meu marido conseguiu reunir pequenas estórias - com algumas pontas de realidade misturadas à ficção de sua mente imaginativa e bem humorada -, e o resultado é um apanhado de textos muito divertidos.
    E o momento não podia ser melhor: com o novo código civil abordando amplamente questões da vida em condomínio, ele cairia como uma luva para amenizar alguns impactos das novas leis...

    0 comentários:

     

    Arquivo do blog

    Perfil

    Minha foto

    Coordena os Portais Babel Cultural e Estilo 40. 
    Escreveu por dez anos para o site Crônica do Dia. Administra e escreve minicontos em Hiperbreves.
    Formada em Letras, trabalha com arte-visual. Casada, 'mãe' da Maya - uma Labradora chocolate. 

    Se tem algo a dizer, envie sua msg.

    Nome

    E-mail *

    Mensagem *