• Porque escrever é um vício.

    Campos de Jordão: é para lá que estamos indo passar o fim de semana, na casa de um dos irmãos do meu marido, para uma especial reunião familiar - todos os irmãos (quatro) e as esposas, estarão juntos para um tempo de pausa da cidade grande, num encontro que promete calma, paz, troca e muito carinho. Além disso, estaremos inaugurando a Capela que eles construíram numa parte do imenso jardim.

    Tudo lá é muito bonito: a casa, naquele estilo rústico, convida ao aconchego. Muito verde, o lago, e o lugar que mais gosto: um gazebo sextavado - paredes se formando em seis pontas -, na parte mais alta da casa, em meio às arvores, com janelas pequenas e quadradinhas, cortinas de renda, sofás macios: local para ler, para as conversas alegres ou íntimas no final da tarde, quando o sol baixa e o frio sobe, e um chá/café quentinhos nos aquece, a alma elevada pelo silêncio próprio desses lugares - pássaros ao longe, árvores que balançam, nossas vozes misturadas à natureza...

    E ainda passear pela cidade, provando de chocolates e especiarias típicos, na visão de gente bonita, alegre e bem-humorada.

    À noite, todo mundo sentado na sala, à meia luz - de velas e abajours -, a lareira crepitando, um sem número de imagens inventadas que se formam no fogo.

    Sim: a vida pelas brechas, nos detalhes...



    Um bom fim de semana a todos.


    0 comentários:

     

    Arquivo do blog

    Perfil

    Minha foto

    Coordena os Portais Babel Cultural e Estilo 40. 
    Escreveu por dez anos para o site Crônica do Dia. Administra e escreve minicontos em Hiperbreves.
    Formada em Letras, trabalha com arte-visual. Casada, 'mãe' da Maya - uma Labradora chocolate. 

    Se tem algo a dizer, envie sua msg.

    Nome

    E-mail *

    Mensagem *