• Porque escrever é um vício.

    Imagens inéditas.

    Já reparou como aparecem, de todo canto, ao longo do tempo, imagens inéditas sobre determinados episódios?

    Pois então: o Fantástico desse domingo - que comemorava suas 1500 edições - mostrou cinco minutos de imagens inéditas sobre o atentado em NY - aquele 11 de Setembro que inundou os céus do mundo com a fumaça do ódio, causando impacto, dor e incompreensão.

    Dois franceses que estavam junto ao Corpo de Bombeiros para uma reportagem local sobre o trabalho desses homens, acompanhou tudo muito de perto quando registravam, na verdade, um chamado de emergência por conta de um vazamento de gás nas proximidades do WTC.

    Nas lentes certamente espantadas de suas câmeras, o retrato sem retoques do desespero, da incredulidade, da angústia: todo aquele turbilhão de um acontecimento nunca imaginado - e agora jamais esquecido -, desfilava como cenas de um filme real demais para ser verdade.



    Todas as vezes que vejo referências a esse fato, estremeço. Sei que minha imaginação e sensibilidade não poderão, em tempo algum, alcançar a dimensão dos sentimentos que invadiram as pessoas que lá estavam, as tantas que morreram ou sobreviveram - essas últimas, imersas num pesadelo que deve ter encravado em suas peles e almas. Quem pode se recuperar daquilo?

    É inacreditável o tamanho do gigante destruidor que mora em alguns seres humanos...




    0 comentários:

     

    Arquivo do blog

    Perfil

    Minha foto

    Coordena os Portais Babel Cultural e Estilo 40. 
    Escreveu por dez anos para o site Crônica do Dia. Administra e escreve minicontos em Hiperbreves.
    Formada em Letras, trabalha com arte-visual. Casada, 'mãe' da Maya - uma Labradora chocolate. 

    Se tem algo a dizer, envie sua msg.

    Nome

    E-mail *

    Mensagem *