• Porque escrever é um vício.

    Todo mundo deve ter um lugar secreto, um jardim encantado para onde escapa todas as vezes que a vida se perde nas sombras e as coisas ficam muito difíceis.

    Ela tem um paraíso infantil onde se transformou em borboleta...



    O meu lugar é junto do meu pai, lá, quando eu era muito pequena e ele me jogava na piscina imensa a fim de que eu aprendesse a nadar. Então me sorria - feliz por me ver sobreviver sozinha.

    Essa talvez tenha sido a sua maior lição: ensinar-me que ele estava ali, mas que eu tinha que, com minhas próprias forças, emergir para cima em busca do ar. Depois, ele andava de mãos dadas de volta para casa...



    Hoje, ele já não está mais aqui para segurar-me as mãos, mas sempre que me falta o ar, eu mergulho nas águas e volto à tona para encontrar seu sorriso... É assim que eu sei que posso continuar...




    0 comentários:

     

    Arquivo do blog

    Perfil

    Minha foto

    Coordena os Portais Babel Cultural e Estilo 40. 
    Escreveu por dez anos para o site Crônica do Dia. Administra e escreve minicontos em Hiperbreves.
    Formada em Letras, trabalha com arte-visual. Casada, 'mãe' da Maya - uma Labradora chocolate. 

    Se tem algo a dizer, envie sua msg.

    Nome

    E-mail *

    Mensagem *