• Porque escrever é um vício.

    Presença de Anita, o livro: quartas impressões...



    O capítulo X fecha a primeira parte da história.

    Ele é todo reservado para as ações e reações de Lúcia, e as reações e ações que elas provocam.

    Ela, com sua altivez, sua frieza, seu orgulho, sua distância cada vez mais larga, sua polidez, sua nobreza de caráter... enlouquece o marido, o seduz, o rouba da amante - ainda que essa não seja sua intenção (explícita, ao menos).

    Mentira que ela é apática - como descrevi em minhas primeiras impressões: enganei-me. Ela observa tudo, sente tudo, controla tudo, do alto da sua aparente inatingível casca. A questão é que, especulando, ela talvez não saiba lidar com a crise e por não encontrar saída, acaba por parecer conivente com o definhar da relação, vestindo-se com a roupa do 'Não me importo."

    Mas ela é dura e sábia: Lúcia é uma grande mulher...



    Eduardo fica completamente perdido com as atitudes firmes da esposa - as quais ele interpreta como desamor.

    Talvez... Talvez não...

    Fato é que ele descobre, deparando-se com a indiferença, a diferença atroz entre a amante e a mulher.

    A primeira, capaz de atos loucos, da maldade desnecessária, da mágoa que finca um punhal - como o gesto de escrever uma carta à mulher, com os detalhes de seu romance fugaz -, racha sua imagem de porcelana, incapaz de colar sem que a quebra fique evidente.

    A segunda, permanecendo em pé apesar do baque, com tanta dignidade, causa-lhe a abertura de um abismo de culpa, arrependimento e inquietação... Um misto de sentimentos como aqueles que a gente nem conhece a dimensão...



    Ah! Os homens e seus caprichos!!! Percorrem um caminho tão longo, espalhando tanta dor para, na maioria das vezes, comprovarem o que já sabiam...



    E um parênteses para uma constatação muito pessoal: parece que, com raríssimas exceções, todas as amantes - mesmo vítimas da fatalidade de sua condição por conta do amor que as subjuga - são iguais na sua fúria de ciúmes e inseguranças...




    0 comentários:

     

    Arquivo do blog

    Perfil

    Minha foto

    Coordena os Portais Babel Cultural e Estilo 40. 
    Escreveu por dez anos para o site Crônica do Dia. Administra e escreve minicontos em Hiperbreves.
    Formada em Letras, trabalha com arte-visual. Casada, 'mãe' da Maya - uma Labradora chocolate. 

    Se tem algo a dizer, envie sua msg.

    Nome

    E-mail *

    Mensagem *